quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Beltane

eu achei esse texto interessante, pena q eu num consegui traduzir muito bem mas ta valendo...

Beltaine, também chamado de Dia de Maio por muitos cristãos. Este Sabá celebra a fertilidade e da união do Deus e da Deusa. Neste momento, a vida está se renovando. Animais estão acasalando. Nos campos, as sementes recém plantadas estão começando a crescer. Grandes fogueiras são acesas em honra do Deus da fertilidade Belenos. Alguns saltam as fogueiras para trazer fertilidade.
Um Maypole (mastro de maio) é erguido e fitas brilhantes são penduradas nele. O Maypole, um símbolo fálico, representa o masculino. As suaves fitas coloridas e a coroa de flores são o feminino. A união dos dois simboliza a união do Deus e Deusa. Este é o tempo de fertilizar seus sonhos com a ação. É lenda que crianças concebidas em Beltane foram presenteados pelos deuses.
O Retorno do Sol
Beltaine é um aportuguesamento do irlandês "Bealtaine" ou o escocês "Bealtuinn." Enquanto "tene" claramente significa "fogo", ninguém realmente sabe se Bel se refere a Belenus, o deus pastoral dos gauleses, ou é do "bel", simplesmente significa "brilhante." Ele pode até derivar de "bil tene" ou "fogo sorte" porque a saltar entre dois fogos de Beltane foi a certeza de trazer boa sorte, saúde para o seu gado e prosperidade.
Quando os druidas e seus sucessores levantou os fogos Beltaine sobre colinas nas ilhas britânicas nas vesperas de maio, eles estavam realizando um ato real de magia, as fogueiras foram acesas, a fim de trazer a luz do sol para a terra. Na Escócia, cada chama nas casas era extinto, e as grandes fogueiras foram acesas a partir da necessidade-fogo que se acendeu por 3 vezes 3 homens usando madeira das nove árvores sagradas. Quando a madeira explodia em chamas, era proclamado o triunfo da luz sobre a metade escura do ano.
Then the whole hillside came alive as people thrust brands into the newly roaring flames and whirled them about their heads in imitation of the circling of the sun. (não consegui traduzir) Se qualquer homem não estava planejando uma longa viagem ou tarefa perigosa, ele saltava para trás e para a frente três vezes pelo fogo para dar sorte. Quando o fogo abaixava, as meninas pulavam sobre ela para conseguirem bons maridos, mulheres grávidas cruzavam-no para garantir um parto fácil, e as crianças também o faziam através das cinzas fumegantes. Quando o fogo apagava, as brasas eram lançadas entre as colheitas brotando para protegê-las, enquanto cada família levava algumas de volta a acender um fogo novo em seu lar. Quando o sol se levantava ao amanhecer, os que ficaram para assistir podiam vê-lo girar três vezes sobre o horizonte antes de saltar em toda sua glória de verão.
Beltaine foi um tempo de fertilidade e folia desenfreada, quando jovens e velhos iria passar a noite fazendo amor no Greenwood. Na parte da manhã, eles voltariam para a aldeia tendo enormes galhos de brotamento de espinheiro (the may-tree) e outras flores da primavera ornamentando a si mesmos, suas famílias e suas casas. Eles voltavam para casa, parando em cada casa para deixar flores, e desfrutar o melhor da comida e da bebida que a casa tinha para oferecer. Em cada aldeia, o mastro, normalmente um bétula ou cinzas de mastro foi levantado, e dançando e festejando onde começou. Festividades eram lideradas pela Rainha de Maio e seu consorte, o Rei que era, por vezes, Jack-in-the-Green, ou o Green Man, o antigo deus da wildwood. Eles eram levados através da aldeia em um carrinho coberto de flores e entronizado em uma árvore frondosa como o casal divino cuja unidade simbolizava a união sagrada da terra e do sol.
texto original: http://paganpages.org/content/tag/beltaine/page/2/

Um comentário:

tenshilivis disse...

dps achei esse texto, bem parecido e mais completo, o melhor eh q eh em português http://the-cauldron-of-the-goddess.blogspot.com.br/2012/10/beltaine.html